Manuel Madeira, poeta, apresenta livro na Sociedade de Instrução e Recreio Messinense

23 de Outubro, pelas 17 horas, na Sociedade de Instrução e Recreio Messinense

apresentação do livro de poesia de Manuel Madeira, “Simbiose Telúrica de Fragmentos do Ser”, o mais recente livro lançado por este poeta messinense.

Biografia do autor:

Manuel Rodrigues Madeira nasceu em S. Bartolomeu de Messines, em 1924, mas tendo ficado órfão de pai, muito cedo foi para Faro, e depois para Olhão, onde viveu até aos 25 anos, altura em que se fixou em Lisboa, onde permaneceu durante mais de 40 anos.

Perseguido pela PIDE (Polícia Internacional e de Defesa do Estado), Manuel Madeira esteve preso e foi torturado várias vezes. A sua actividade política iniciou-se ainda na sua juventude, quando foi um dos elementos primordiais na difusão do MUD Juvenil, no Algarve, especialmente em Messines e Silves. Após o encontro de Bela Mandil, foi preso pela primeira vez, levado para Faro, depois para Caxias e finalmente para o Aljube. Após a prisão, voltou ao Algarve e às actividades políticas, pelo que voltou a ser preso e desta vez foi também demitido do emprego e expulso da função pública.

Conseguiu um novo emprego e não desistiu da sua luta, pelo que foi preso mais duas vezes, sendo muito torturado.

Em 1991, alguns anos após a reforma, Manuel Madeira regressou a Olhão, onde vive actualmente.

No seu trabalho poético, ao longo da sua vida, colaborou com poesia e ensaios em publicações clandestinas de divulgação cultural, no Algarve, nos anos quarenta e posteriormente em jornais e revistas literárias do país. Nessa altura, foi co-fundador do jornal de Olhão “Clamor”. Muitos dos seus trabalhos literários foram cortados pela Censura.

Figura na “Antologia de Poesia Portuguesa do Pós-Guerra, 1945-1965”, da Editora Ulisseia. Foi co-fundador da revista literária “Sol XXI” e nela colaborou com poesia e ensaio. Reuniu em livro parte da sua poesia, de 1949 a 2004, sob o título “No Encalço do Real Inalcançável”, Editorial Minerva, Lisboa 2005. Em 2007 publicou “Um Pouco de Infinito em Toda a Parte”, pela Editora Atelier; em 2008 “Cartas Poéticas entre António Ramos Rosa e Manuel Madeira”, pela Editora Labirinto e em 2009, publicou “À Descoberta das Causas no Sortilégio dos Efeitos”.

Este seu livro mais recente “Simbiose Telúrica de Fragmentos do Ser”, é publicado pela pela POP Sul (Editora 4 Águas) e tem prefácio do médico silvense Varela Pires.

One thought on “Manuel Madeira, poeta, apresenta livro na Sociedade de Instrução e Recreio Messinense

  1. That is second incident that I’m scanning anything about modifying internet websites using the method. It appears that you’re an super expert blogger. Your submit is definitely an exceptional Instance of why I keep on coming again to review your great top quality content material which is forever up to date.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s