descontos dos recibos verdes vão aumentar em 2011

O Orçamento do Estado define  que a entrada em vigor do novo Código Contributivo, em Janeiro, faça subir a taxa paga pelos trabalhadores independentes dos actuais 24,6% para 29,6%.

Partilho desta leitura:

Se eu fosse ingénuo, face a esta notícia e a esta medida, o que me apetecia perguntar é se porventura os excepcionais e inesquecíveis governantes do PS que nos coube em azar, acrescento eu – porque votaram neles, sabem que situação real se esconde por detrás da expressão «trabalhadores a recibo verde». Ou seja, e em curto, se estão lembrados que se trata de trabalhadores que, para além da precariedade inerente à sua condição, apenas ganham 12 meses por ano (e não 14), sem portanto direito a subsídio de férias e de Natal, e que já descontavam mensalmente 24,6% para a segurança social (sobre o escalão, a partir de um salário mínimo e meio, que escolhessem), 24,6% que não não lhe davam direito a mais nada (subsídio de doença, etc.) a não ser contribuir exclusivamente para a formação da sua reforma.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s